sc.abra

A Prefeitura de Florianópolis e a Polícia Militar optaram por intensificar ainda mais a fiscalização contra o comércio ilegal, segundo convênio assinado recentemente. A iniciativa é amplamente apoiada pelas entidades empresariais e movimentos que subscrevem esta nota, em apoio à manifestação pública da CDL da Capital, realizada ontem. As lideranças entendem que, além de preservar a saúde pública diante da procedência duvidosa dos produtos, a ação é vital para coibir a concorrência desleal, que provoca ainda mais desemprego. Por fim, as entidades consideram que a legalidade do uso do espaço público deve ser respeitada, já que seu uso é comum e não deve ser utilizado por aqueles que, indevidamente, comercializam criminosamente itens falsificados e/ou contrabandeados.

Florianópolis, 12 de novembro de 2019.

ACIF
ABRASEL
FLORIPAMANHÃ
FLORIPA SUSTENTÁVEL
FORTUR

Comentários